Encerrando a Programação do XLVII Encontro do Colégio Permanente de Diretores de Escolas Estaduais da Magistratura (COPEDEM), nesta sexta-feira (6/4), o presidente do Colégio e diretor da Escola Superior da Magistratura Tocantinense (ESMAT), desembargador Marco Villas Boas, ressaltou que o serviço público é essencial para o exercício da cidadania; para tanto, há necessidade de juízes e servidores bem preparados.

“Temos que nos atualizar, debater as melhores técnicas, os melhores métodos para que o ensino nas escolas seja profissional, de qualidade, que os servidores e juízes tenham prática profissional do serviço que irão realizar”, destacou o desembargador, avaliando o Evento. “Foi muito proveitoso. Para cá vieram os diretores de escola de todo o país e tenho certeza de que levarão boas perspectivas para que sejam instrumentos transformadores em seus tribunais, para melhorar a gestão e a jurisdição”, acrescentou.

Para o juiz Alberto Jorge Correia Barros Lima, do estado de Alagoas, o Encontro oportunizou troca de experiências e aprendizado. “Esse tipo de Evento é importante porque prima por aqueles que estão dirigindo as escolas da magistratura de todo o Brasil. A Escola do Tocantins está de parabéns, não só pela organização do Evento, mas pelo que nos mostrou aqui com todo esse instrumental dedicado à educação”, elogiou.

O juiz Abelar Baptista Pereira Filho, do Paraná, falou sobre as perspectivas para o futuro. “Trata-se de um trabalho que vai gerar resultados e qualificação dos servidores a curto, médio e longo prazo. Essa iniciativa é louvável, e o desembargador Marco Villas Boas entoa a importância do que tem feito e desse Evento para as escolas que estão buscando o que – com muito sucesso, competência e transparência – conseguiu alcançar”, destacou.

Painéis

A Programação na tarde desta sexta-feira começou com o painel “Formação EaD em Direito Fundamental à Saúde e Sistema Suplementar”, apresentado pelo doutor Luiz Felipe Conde, do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IIES). Ele apresentou o curso sobre o tema que deve acontecer nos meses de agosto e setembro deste ano, abordando leis, regulamentos, funcionamento e cobertura de planos de saúde, as causas mais comuns de processos, soluções alternativas de conflitos e impactos das decisões judiciais. “Muitos consumidores, antes de buscar o Judiciário, poderiam resolver com a empresa, mas buscam primeiramente a Justiça. É por isso que temos diversidade de ações em curso”, ponderou.

 O segundo painel, “Metodologias Ativas em EaD”, foi apresentado pela especialista Ritze Pereira Fenaz da Costa, do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG). “Metodologias são caminhos para se chegar a uma transformação. O conhecimento teórico transmitido e avaliado não atende mais a nova geração. Precisamos de novos caminhos, novos métodos. Não vamos abandonar o método antigo, apenas abrir novas portas”, pontuou. 

Ainda na Programação da tarde, o desembargador Marcos Cavalcanti, diretor da Escola da Paraíba, apresentou o “Projeto ESMA/PA 2018”. Entre os objetivos, destaca-se o de partilhar entendimentos jurídicos, práticas e rotinas de trabalho com os alunos residentes, aproximando o ensino técnico-teórico com a prática jurisdicional. “E contribuir com a redução do tempo dos processos, combatendo a morosidade processual tão reclamada”, acrescentou.

Carta de Palmas

Ao final, o desembargador Marco Villas Boas, diretor da Escola Superior da Magistratura Tocantinense, leu a Carta de Palmas. No documento, o Colégio deliberou que as metodologias ativas de aprendizado devem nortear o ensino acadêmico e profissional, seja na modalidade presencial ou à distância; e a Formação Continuada Lato e Stricto Sensu nas Escolas de Governo e Judiciais constitui dever do Estado e direito/dever fundamental dos magistrados e servidores públicos.

Confira aqui a Carta na íntegra.

Galeria de Fotos

 

 

 

 

Nova Edição da Revista ESMAT homenageia Desembargador Antônio Rulli Júnior

Pós-Graduação é tema abordado na manhã deste segundo dia do Copedem

Nota de Pesar

Copedem: Judiciário do Tocantins sedia encontro nacional de diretores de escolas estaduais da Magistratura

XLVII Encontro do Copedem acontecerá em Palmas

Desembargadores do Mato Grosso homenageados em São Paulo

Emoção por Antonio Rulli Junior domina honraria a diretores de escolas da magistratura

Copedem recebe homenagem da Câmara de Vereadores de São Paulo

Desembargador Marco Villas Boas é aclamado presidente do Copedem

Edital de Convocação para Assembleia Geral Extraordinária do Copedem

Marco Villas Boas no exercício da presidência do Copedem visita IESS

Copedem prestigia  inauguração da nova sede da Esmape

Nota de Pesar - Tribunal de Justiça do Estado da Bahia

Homenagem ao desembargador Antonio Rulli Junior

Nota de Pesar - Tribunal de Justiça do Estado do Pará

Nota de Pesar - Tribunal de Justiça do Estado da Bahia

Nota de Pesar - TRE - PB

Nota de Pesar - AJURIS - RS

Nota de Pesar - EMERJ - RJ

Nota de Pesar - ESMEC - CE

Nota de Pesar – EMERON - RO

Nota de Pesar – AMAPI - PI

Nota de Pesar - ESMA - PB

Nota de Pesar - APAMAGIS

Nota de Pesar - TJSP - SP

Nota de Pesar - ENFAM

Nota de Pesar - TRE - TO

Nota Pesar - Dr Thiago Brandão - Vice-Diretor da Esmapi

Nota Pesar - Desembargador Caetano Ernesto da Fonseca Costa - Ex-Diretor da EMERJ

Nota Pesar - Desembargador Claudio Martinewski - Diretor da AJURIS

Nota Pesar - Desembargador Edvaldo Pereira de Moura - Diretor da ESMEPI

Nota Pesar - Desembargador George Lopes Leite - Diretor da Escola de Administração Judiciária - Instituto Ministro Luiz Vicente Cernicchiaro

Nota Pesar - Desembargador Jaime Ramos - Diretor da Escola Judiciária Eleitoral de Santa Catarina (EJESC)

Nota Pesar - Desembargadora Maria das Graças Morais Guedes - Presidente do TRE-PB

Nota Pesar - José Mouraz Lopes - Juiz Conselheiro no Tribunal de Contas de Portugal

LUTO NA MAGISTRATURA - Morre Antônio Rulli Junior, presidente do Copedem e ex-desembargador do TJ-SP

Nota de Pesar - Comunidade de Juristas de Língua Portuguesa

ESMEG emite nota de pesar pelo falecimento do desembargador Antônio Rulli Júnior, presidente do Copedem

TJMA e ESMAM lançam nota lamentando perda do desembargador Antonio Rulli Júnior

Nota de Pesar - COPEDEM

Feliz Natal e Próspero Ano Novo

COPEDEM faz lançamento da obra Memorial de Ministros na Biblioteca Nacional de Lisboa

Márcio Vidal é eleito presidente do Coptrel

Memorial de Ministros é entregue a Presidente da OAB/Federal

Ministra Cármen Lúcia recebe obra Memorial de Ministros

Presidente do Copedem no Seminário sobre Ativismo Judicial

Publicado os Anais do Seminário Empresarial de 2017

Carta de São Luís traz enunciados sobre a formação de conciliadores em todo o país

Formação de conciliadores é discutida por diretores das escolas de magistratura estaduais

Redes Sociais