15 Janeiro 2018 Escrito por 

Nota Pesar - José Mouraz Lopes - Juiz Conselheiro no Tribunal de Contas de Portugal

Acabei de saber do falecimento do nosso querido amigo, "comandante" António Rulli Junior!

Para além do choque tremendo da inesperada noticia, o partir de um amigo com a craveira e a dimensão do Rulli, através do qual pude igualmente merecer a confiança e a amizade de si Marco e da Ana Beatriz, é-me, nesta hora especialmente triste. É uma perda que fica marcada indelevelmente na minha vida! Foi por via do Rulli que todo o Brasil Judiciário me foi dado a conhecer e a criar muitas amizades. O Atlântico nunca foi uma fronteira para o Rulli, no que respeita à amizade e ao sentir do judiciário Lusófono.

Devemos-lhe isso. Temos o dever de prolongar e manter essa ausência de fronteira.

Deixo, de Portugal, a minha homenagem pessoal e sobretudo pública a um Homem Notável, que foi o António Rulli Junior.

Peço-vos que façam pública a minha mensagem. É o minimo que poderei, de tão longe (mas tão perto no coração) por um amigo e um grande cidadão Luso Brasileiro, Desembargador António Rulli Junior

José Mouraz Lopes

Juiz Conselheiro no Tribunal de Contas de Portugal

 

 

Antigo Presidente da Associação Sindical dos Juizes Portugueses

 

 

 

 



Redes Sociais