26 Fevereiro 2018 Escrito por 

Emoção por Antonio Rulli Junior domina honraria a diretores de escolas da magistratura

Homenagem ao Copedem e dirigentes, proposta pelo vereador Caio Miranda Carneiro (PSB), foi tomada pela memória do desembargador Antonio Rulli Junior.

A Sessão Solene com que a Câmara Municipal de São Paulo homenageou, na sexta-feira, 23, o Colégio Permanente de Diretores de Escolas Estaduais da Magistratura e 81 dirigentes em todos os estados e Distrito Federal foi perpassada pela memória emocionada de um ícone da categoria recentemente falecido, o desembargador Antonio Rulli Junior.

A homenagem foi proposta pelo vereador Caio Miranda Carneiro (PSB), que dirigiu a cerimônia no Plenário 1º de Maio lotado. Esta foi saudada por mensagens e representantes de dezenas de autoridades, incluindo o governador Geraldo Alckmin (PSDB) e o prefeito João Doria (PSDB).

A Sessão destinou ao Copedem, que teve Rulli como um dos fundadores e presidente, a mais alta honraria da Câmara Municipal de São Paulo – a Salva de Prata –, além de diplomas a dirigentes (leia ao final do texto a relação completa de homenageados). A desembargadora Suely Rulli, viúva do dirigente, recebeu a homenagem.

Carneiro posicionou-se em relação ao momento do País. “Se hoje até a magistratura sofre ataques, é porque a sociedade quer mudança”, constatou. “E se há uma carreira que está ajudando o Brasil, juntamente com os advogados, é a magistratura – para conseguir fazer as mudanças sem rupturas, sem interromper a democracia.”

O presidente do Copedem, do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) e diretor da Escola Superior da Magistratura Tocantinense (ESMAT), desembargador Marco Anthony Steveson Villas Boas, frisou o “sentimento de progresso” que norteava Rulli. “A partir de São Paulo ele pensava a disseminação deste saber – a ponto de a certa altura dizer que ‘não há mais escolas com baixa qualidade, está cada uma melhor do que a outra.”

A Mesa do Evento, da qual Villas Boas fez parte, foi composta ainda pelo secretário de Estado da Cidadania, procurador Márcio Elias Rosa, representando o governador Alckmin; pelos desembargadores  Francisco Eduardo Loureiro, vice-diretor da Escola Superior da Magistratura; Manoel Queiroz Pereira Calças, presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo; por Henrique Nelson Calandra; e Fernando Figueiredo Bartoletti, presidente da Associação Paulista de Magistrados.

Confira galeria de imagens: clique aqui

Confira aqui os homenageados, por ordem alfabética:

Albem Dagmar Pereira Claudino, assessor da Presidência do TJAM

Ana Beatriz de Oliveira Pretto, diretora-executiva da Escola Superior da Magistratura (TO)

Ana Paula Sampaio de Queiroz Bandeira Lins, juíza (SP)

André Ricardo Cruz Fontes, desembargador (RJ)

Andrea Cláudia da Silva, coordenadora de eventos da Escola Superior da Magistratura (SC)

Antonio Carlos Villen, desembargador (SP)

Antonio Rulli Júnior, desembargador (SP) — in memorian

Ari Jorge Moutinho da Costa, desembargador (AM)

Arthur Roquete de Macedo, conselheiro da Câmara de Educação Superior

Benedito Silvério Ribeiro, desembargador (SP)

Caetano Ernesto da Fonseca Costa, desembargador (RJ)

Carlos Cini Marchionatti, desembargador (RS)

Carmo Antônio de Souza, desembargador (AP)

Carolina Nabarro Munhoz Rossi, juíza (SP)

Cláudio Eduardo Regis de Figueiredo e Silva, juiz (SC)

Cláudio Luís Martinewski, desembargador (RS)

Constantino Augusto Guerreiro, desembargador (PA)

Edison Aparecido Brandão, desembargador (SP)

Edmilson Jatahy Fonseca Júnior, desembargador (BA)

Eduardo Cortez de Freitas Gouvêa, desembargador (SP)

Edvaldo Pereira de Moura, desembargador (PI)

Eurico de Barros Correia Filho, desembargador (PE)

Eva Evangelista de Araújo Souza, desembargadora (AC)

Expedito Ferreira de Souza, desembargador (RN)

Fernando Cerqueira Norberto dos Santos, desembargador (PE)

Fernando Figueiredo Bartoletti, juiz (SP)

Fernando Lopes e Silva Neto, desembargador (PI)

Fernando Tourinho de Omena Souza, desembargador (AL)

Flavio Humberto Pascarelli Lopes, desembargador (AM)

Francisco Eduardo Loureiro, desembargador (SP)

George Lopes Leite, desembargador (DF)

Gilberto Pinheiro, desembargador (AP)

Haroldo Correia de Oliveira Máximo, desembargador (CE)

Helvécio de Brito Maia Neto, desembargador (TO)

Henrique Nelson Calandra, desembargador (SP)

Jaime Ramos, desembargador (SC)

Jeronymo Pedro Villas Boas, juiz (GO)

Joanice Maria Guimarães de Jesus, desembargadora (BA)

João Luiz Bettini de Albuquerque Lins, secretário-geral da Escola Superior da Magistratura (MT)

João Otávio de Noronha, ministro do STJ

Jones Figueiredo Alves, desembargador (PE)

Jorge Rachid Mubárack Maluf, desembargador (MA)

José Laurindo de Souza Netto, desembargador (PR)

José Raul Allegretti, presidente da MEMORY – Centro de Memória Jurídica

Júlio Roberto Siqueira Cardoso, desembargador (MS)

Kildare Gonçalves Carvalho, desembargador (MG)

Leopoldo de Arruda Raposo, desembargador (PE)

Luís Carlos Cândido Sotero da Silva, desembargador (SP)

Luis Felipe Salomão, ministro do STJ

Luiz Aparecido Gadotti, desembargador (TO)

Luiz Augusto Ferreira Carneiro, superintendente do Instituto de Estudos da Saúde Suplementar

Luiz Cézar Medeiros, desembargador (SC)

Luiz Edmundo Marrey Uint, desembargador (SP)

Luiz Roberto Liza Curi, presidente da Câmara de Educação Superior

Luzia Nadja Guimarães Nascimento, desembargadora (PA)

Marcelo Cavalcanti Piragibe Magalhães, juiz (MG)

Márcio Vidal, desembargador (MT)

Marco Anthony Steveson Villas Boas, desembargador (TO)

Marcos Cavalcanti de Albuquerque, desembargador (PB)

Marcus Vinicius dos Santos Andrade, desembargador (SP)

Maria das Graças Morais Guedes, desembargadora (PB)

Maria de Lourdes Gonçalves, diretora-executiva da MEMORY – Centro de Memória Jurídica

Maria de Lourdes Pinho Medauar, desembargadora (BA)

Maria do Socorro Barreto Santiago, desembargadora (BA)

Marielza Brandão Franco, juíza (BA)

Marilsen Andrade Addario, desembargadora (MT)

Michelini de Oliveira Dantas Jatobá, juíza (PB)

Nelson Missias de Morais, desembargador (MG)

Odemilson Roberto Castro Fassa, desembargador (MS)

Oldemar Azevedo, desembargador (SP)

Paulo Kiyochi Mori, desembargador (RO)

Paulo Roberto Lessa Franz, desembargador (RS)

Renato de Lacerda Paiva, ministro do TST

Ricardo de Oliveira Paes Barreto, desembargador (PE)

Ricardo Lewandowski, ministro do STF

Robério Nunes dos Anjos, desembargador (RR)

Roberto Eugenio da Fonseca Porto, desembargador (SE)

Ruy Celso Barbosa Florence, desembargador (MS)

Sergio Ricardo de Souza, juiz (ES)

Virgílio Fernandes de Macêdo Júnior, desembargador (RN)

Walter Valtemberg, desembargador (RO)

 

Por Nei Bomfim

Fotos: Alexandre de Paulo

Fonte: http://www.caiomirandacarneiro.com.br

 

 

 

 

 

 



Redes Sociais